Novidades no calibre 0.7

Faz quase um ano desde o lançamento da versão 0.6.0 e o calibre mudou bastante nesse período. O calibre sempre foi extremamente flexível. A versão 0.6 focou em trazer essa flexibilidade para o mecanismo de conversão e suporte a dispositivos. Hoje o calibre consegue converter de/para dúzias de formatos e pode se conectar a vários dispositivos. O foco da versão 0.7 é trazer essa mesma flexibilidade para a Interface do Usuário do calibre.

Com este fim, usuários agora podem livremente redimensionar a maior parte dos elementos da interface do usuário, adicionar seus próprios metadados personalizados à lista de livros, e adicionar suas próprias categorias ao Navegador de Etiquetas.

Outra área com grande melhoria foi a performance. Várias partes do calibre passaram por otimização e melhorias no cache. Tempos de inicialização e performance de grandes bibliotecas foram dramaticamente melhorados. Com uma biblioteca de dezenas de milhares de livros, você verá uma melhoria de 10 a 100 vezes na velocidade de inicialização e operações comuns como edição de metadados.

Ao conectar a dispositivos, o calibre agora armazena em cache os metadados lidos dos arquivos no dispositivo. Isto significa que em conexões subsequente o calibre irá criar a lista de livros rapidamente. Se você gosta de manter grandes coleções no seu dispositivo, você irá achar essa funcionalidade o máximo.

Algumas destas melhorias são descritas abaixo em mais detalhes.

  • Melhorias na interface do usuário

    A melhor maneira de ver a melhoria da interface do usuário é assistir o vídeo do link acima. Para aqueles de vocês que não podem, eis aqui uma breve descrição.

    Você pode agora adicionar suas próprias colunas para a lista de livros, via Preferências->Interface (o botão de mais). Você pode adicionar colunas com suas próprias avaliações, sim/não, etiquetas, data, etc e colocá-las na lista de livros. O conteúdo destas colunas pode ser editado como uma coluna normal, seja com um clique duplo em entradas individuais ou usando o botão de Edição de informação de metadados.

    Você pode redimensionar o Navegador de Etiquetas e Painel de detalhe de livros e mostrar/ocultar colunas clicando com o botão direito nos seus cabeçalhos. Você também pode rearranjar as colunas arrastando seus cabeçalhos.

    Você pode mostrar/ocultar categorias no Navegador de Tags clicando nelas com o botão direito e adicionar suas próprias categorias para acesso rápido, clicando no botão Gerenciar categorias do usuário. Você pode editar entradas no Navegador de Etiquetas clicando com o botão direito nelas. Isto irá alterar seus valores para todos os livros. Por exemplo, se você alterar o nome de um autor, isto irá aparecer nos metadados de todos os livros desse autor..

    Você pode salvar suas pesquisas frequentes e usá-las com um simples clique no Navegador de Etiquetas. Você também pode usar as pequisas salvas para restringir o que é mostrado no calibre. Isto irá restringir a lista de livros bem como o Navegador de Etiquetas. De fato, você terá reduzido temporariamente sua coleção para apenas aqueles livros correspondentes à pesquisa.

    Você pode agora mesclar os registros de livros e pedir ao calibre para automaticamente mesclar os metadados e formatos em uma entrada única para você. Acessível através da seta próxima ao botão de editar metadados.

    Você agora pode usar expressões regulares ao pesquisar e também operadores relacionais como data:>yesterday.

    O calibre pode agora opcionalmente baixar etiquetas/resenhas/avaliações da amazon.com

  • Melhorias no driver de dispositivo

    O calibre agora mostra uma coluna "No dispositivo" na tela principal da biblioteca quando conecta um dispositivo suportado. Esta coluna pode ser usada para ver quais livros na sua biblioteca também estão no dispositivo. Existe uma coluna complementar "Na biblioteca" nas visualizações de dispositivos que mostram quais livros do dispositivo estão na sua biblioteca. Uma vez que você pode organizar e buscar nestas colunas, se torna muito fácil ver quais livros estão no dispositivo. Por exemplo, a busca "not ondevice:main and not ondevice:card" mostrará todos os livros da sua biblioteca que não estão no dispositivo. Isto funciona melhor com livros enviados para o dispositivo com o calibre 0.7 em diante.

    O calibre armazena em cache os metadados de todos os livros no dispositivo. Isto significa que quando você reconecta o dispositivo, a criação da lista de livros do dispositivo será bem rápida. Especialmente se você tem um número muito grande de arquivos PDF no seu dispositivo, isto irá fazer uma grande diferença no tempo que o calibre leva para conectar com o dispositivo e mostrar a lista de livros.

    Os usuários agora podem especificar a estrutura de pastas nomes dos arquivos colocados no dispositivo usando a ação Enviar para Dispositivo. Isto é útil para aqueles dispositivos que permitem navegar nas pastas do dispositivo. Personalização está disponível via Preferências->Adicionar/Salvar->Enviar para dispositivo e também pode ser substituída para cada dispositivo em Preferências->Plugins->Plugins de interface do Dispositivo.

  • Melhorias de performance

    Caso não possua uma biblioteca grande com milhares de livros ou mais, você notará significantes ganhos de performance na inicialização e em tarefas comuns de edição como alterar metadados, comparado com a versão 0.6.0. Além disso, graças ao cache de dispositivo descrito acima, a conexão a dispositivos deve se tornar muito mais rápida se você tiver uma grande coleção no seu dispositivo.

    O download de notícias foi acelerado também (a partir da versão 0.6.27) ao torná-lo realmente multi-tarefas.

  • Melhorais nos mecanismos de conversão e metadados

    O mecanismo de conversão agora suporta caracteres unicode em documentos de entrada RTF e converte automaticamente ligaduras para documentos de entrada PDF.

    O calibre agora pode definir metadados em arquivos Topaz e MOBI com DRM.

    Ao gerar arquivos EPUB, o calibre agora cria capas baseadas em SVG, que automaticamente se esticam para preencher toda a tela disponível do dispositivo usado para ler.

    O calibre agora pode converter arquivos CHM.

  • Criação de catálogos

    Você pode agora facilmente gerar um catálogo de todos os livros na sua biblioteca do calibre clicando na seta ao lado do botão Converter livros. O catálogo pode ser criado em vários formatos: XML, CSV, EPUB e MOBI, com escopo para futuros formatos via plugins. Se você gerar o catálogo em um formato de e-book, ele será automaticamente enviado para o seu leitor de livros na próxima vez que conectar, permitindo que você facilmente possa navegar sua coleção no próprio leitor.

  • Melhorias no visualizador de e-books

    O visualizador de E-books agora possui busca no dicionário integrada. Apenas selecione uma palavra e clique com o botão direito para procurá-la nos servidores do dict.org

    O visualizador agora suporta SVG incorporado em XHTML ao visualizar arquivos EPUB.

  • Sincronização USB com o iPad

    O calibre agora tem um driver experimental para o iPad. Se você conectar o iPad ao seu computador com o calibre rodando, ele deve ser detectado e você poderá enviar livros diretamente para o iBooks no iPad. O driver funciona usando o iTunes ao fundo, então você também precisa ter o iTunes instalado e o seu iPad configurado nele. Isto funciona no Windows e no macOS 10.5 e superior. E claro, você pode navegar sua coleção do calibre sem fio no iPad com servidor de conteúdo do calibre. Para detalhes veja o FAQ.

  • Mudanças incompatíveis

    A versão 0.7 deixa de suportar o não-atualizado SONY PRS 500. Além disso, todos os drivers SONY fora unificados em um único driver, então se você personalizou previamente um driver SONY, você terá que refazer a personalização. Note também que, o calibre transforma as etiquetas em coleções, então ele irá criar novas coleções para livros existentes no seu leitor, se eles possuem etiquetas mas já não estão em uma coleção no dispositivo. Você pode desabilitar este comportamento em Preferências->Plugins->Plugins de interface de dispositivo e personalizar o plugin SONY.

    O esquema da base de dados da biblioteca do calibre mudou para suporta colunas personalizadas. Apesar de ter sido feito um esforço para evitar problemas de compatibilidade, você pode ter problemas voltando para uma versão 0.6.x depois de atualizar para a 0.7, então evite isso, se possível.

Este é o momento adequado para agradecer a todos os desenvolvedores do calibre que mais contribuíram para as grandes funcionalidades listadas acima. Uma lista incompleta dos contribuidores está disponível aqui.

Note que muitas dessas funções foram de fato introduzidas durante o ciclo de vida da série 0.6.x. Este documento descreve novas funções comparadas à versão 0.6.0

Escolha o idioma que deseja