Indicar anomalias

O Calibre é um software que evolui muito rapidamente, com atualizações semanais. Consequentemente, erros são inevitáveis. Dependemos dos utilizadores do Calibre para reportar esses erros, de modo a que possam ser corrigidos tão depressa quanto possível. Para reportar erros use o sistema de rastreamento de erros do Calibre. Note que antes de tudo terá de efectuar o registo para uma conta gratis.

Ao reportar erros, por favor inclua o máximo de informações possível, na medida que isso torna mais fácil identificarmos a origem do problema. Lembre-se de que o Calibre é desenvolvido por voluntários no seu tempo livre, pelo que ao seguir este passos, você está a ajudar a garantir que o máximo desse tempo será gasto realmente escrevendo código, em vez de tarefas administrativas, como encerrar relatórios de anomalias duplicados

Se estiver a incluir alguns dados confidenciais no seu relatório de anomalias, tal como um livro com direitos de autor ou um registo de depuração, marque o erro como "private". Desta forma os dados não serão visíveis para todos. Você pode fazer isso no local onde está escrito "Este relatório contém informações públicas" na área superior direita da página de erros e e então clicar no ícone amarelo ao lado.

Também pode usar o rastreador de anomalias para solicitar novas funcionalidades. Para definir um relato de anomalia como sendo um pedido de funcionalidades, adicione [Enhancement] ao assunto. Por favor, lembre-se de que o Calibre é um software altamente complexo, com milhões de utilizadores, e portanto, as prioridades dos programadores do Calibre podem não corresponder às suas e o seu pedido de funcionalidades pode ser ignorado. Um vez que o Calibre possui código aberto, uma maneira de obter maior atenção para o seu pedido de funcionalidades é implementá-lo você mesmo e anexar a as alterações ao relatório de anomalias.

Note que o sítio de rastreamento de anomalias é, atualmente, incompatível com algumas versões do Internet Explorer. Se tiver dificuldades use um navegador alternativo como Firefox, Chrome ou Safari. Em alternativa tente clicar no botão "Modo de compatibilidade" no Internet Explorer.

Escolha o idioma pretendido